quinta-feira, julho 19, 2007

Barclay James Harvest - Live Tapes (1978)













Depois desse festival de porradaria, vamos pegar um pouquinho mais leve.

No comecinho dos anos 80, André, um dos meus irmãos da turma do CEFET, ganhou de um primo da Alemanha uma fita cassete caseira sem rigososamente nenhuma informação. Na primeira oportunidade ele botou para que ouvíssemos. Era claramente progressivo, mas com uma pegada menos cascuda, mais acessível ao "ouvinte comum", sem abrir mão de solos e harmonias complexas. Como algum de nós definiu na época, "nem tão prog quanto Gentle Giant, nem tão comercial quanto Supertramp".

Diante da boa aceitação da galera, ele escreveu ao primo agradecendo o mimo e pedindo mais informações. Foi assim que soubemos se tratar do Barclay James Harvest, uma banda do segundo (ou talvez terceiro) time do progressivo inglês. O disco em questão era este Live Tapes, lançado em 1978, e que virou uma espécie de mascote da turma. Eu mesmo comprei uma edição em CD durante uma viagem a Portugal em 2001.

Quatro anos antes eles lançaram um outro disco ao vivo, chamado simplesmente Live, muito bom, mas um tanto mais cru. Este aqui é todo centrado no repertório dos discos de estúdio lançados depois do primeiro ao vivo – à exceção de "Mockingbird", de 1971. Minha música favorita é "Child of the Universe", seja pela boa letra, pela introdução ótima para abrir um show ou pelo instrumental, pode escolher. Também gosto muito de "Poor Man's Moody Blues", que, como o título indica, é uma homenagem ao grupo decano do prog inglês – o refrão é referência direta à clássica "Nights in White Satin".

Em 2006 saiu uma edição remasterizada, com muitas faixas a mais, mas este arquivo aqui foi ripado do meu CD mesmo, de forma que deu para encaixar tudo num .rar só.

Disco 1
1. Child Of The Universe
2. Rock'N'Roll Star
3. Poor Man's Moody Blues
4. Mockingbird
5. Hard Hearted Woman
6. One Night

Disco 2:
1. Taking Me Higher
2. Suicide
3. Crazy City
4. Johnathan
5. For No One
6. Polk Street Rag
7. Hymn

Download

9 comentários:

Antonio Everson Pombo de Farias disse...

Sou fã do BJH desde a década de 70, quando conheci a banda ouvindo a bellliiisssiiimmmma canção pacifista "Song For Dying" onde a guitarra executa um triste e belo lamemto, dando um clima todo especial à música. Minhas filhas (nascidas no final dos '80)Se emocionam com "Song For Dying". A partir daí fiz de tudo para conhecer outros trabalhos da banda, mas era coisa rara, até que a internet colocou por terra o conceito de raridade e hoje eu tenho a discografia completa do BJH.
P.S. Se não ouviu ainda "Song For Dying", faça-o o mais rápido possível.

Dagda disse...

Opa, Antônio, vou procurar hoje mesmo.

Dagda disse...

Muito bom!

Estarei fora no fim de semana. Assim que voltar, boto aqui.

Abs

D

ProgShine disse...

BJH É de primeira, com certeza, o primeirão dos caras e o Time Honoured Ghosts figuram na minha estante sem nenhuma dificuldade

etwas. disse...

Buen blog!!! visita: http://elblogdelabuenamusica.blogspot.com/ Gracias!!!

jonyes disse...

Oi, Dagda,

sou fã de progressivo, mas não faz muito tempo que conheço o BJH, talvez por sempre ler que era banda de terceiro escalão. Que nada, os caras eram muito bons! E concordo com sua definição de que os caras estavam entr o Gentle Giant e o Supertramp (que aliás eram duas grandes bandas, cada uma a seu estilo).

De qualquer forma, valeu pelo post! Dos discos de estúdio deles, meu preferido até agora é o Octoberon, que vale à pena ouvir.

Um grade abraço!

SIR_GALAHAD1 disse...

excelente el post de Tapes Live, va un 10 puntos desde Argentina al querido Brasil que tanto conozco y en el que he vivido.
Alberto

TERRA DE MINAS E SUAS ESQUINAS disse...

OLA, AS PESSOAS FICAM BITOLADAS EM BANDAS DE PROG MAIS COMERCIAIS COMO PINK FLOYD,YES, GENESIS,E ESQUECE DESSAS PEROLAS QUE O PROG OFERECE,É UMA GRANDE E PODEROSA BANDA,NÃO EXISTE ESSE LANCE DE TERCEIRO ESCALÃO,ISSO É DETURPAÇÃO COM O ROCK BEM ELABORADO,AFINADISSIMO,E MELODICO DO BJH,PESSOAL ISSO NÃO EXISTE,AO MENOS QUE VOCE NÃO ENTENDE NADA DE PROG SINFONICO,ESTA AI UMA OBRA PRIMA.VALEU PESSOAL.

Anônimo disse...

ettie unnecessary periodicity church issued participle elects challender regulate rabbits optometrists
lolikneri havaqatsu