terça-feira, julho 15, 2008

Lucifer’s Friend – Lucifer’s Friend (1970)

image hosted by ImageVenue.com

Galera, como Dagda tá mesmo velho, ele acaba se repetindo. Não nos downloads, claro – alemão ainda não alcançou completamente –, mas nos temas. Voltamos, portanto, àquele adorável e nebuloso período em que hard rock e progressivo ainda não estavam inteiramente definidos, de forma que bandas podiam circular entre eles com relativa sem-cerimônia. Hoje tem até muita gente que tenta fazer isso, mas toma logo uns quatrocentos e trinta e dois rótulos pela cara: “heavy prog”, “extreme heavy prog” etc. etc. etc.

Mas chega de digressão. Voltando ao finzinho dos anos 60, o vocalista inglês John Lawton (que anos depois pilotaria o microfone do Uriah Heep) se juntou a quatro instrumentistas alemães que integravam o grupo Asterix. Vou poupá-los dos milhares de piadas bobas, nenhuma original, sobre o nome. Lawton participou do único disco da banda, que ficou animadíssima com o resultado. Mudaram o nome para Lucifer’s Friend, provavelmente para faturar no filão satanista de butique aberto pelos Stones e escancarado pelo Black Sabbath, e gravaram este primeiro disco no mesmo ano.

O som é muito calcado no já citado Black Sabbath e no Led Zeppelin. Há, aliás, uma controvérsia interessante. O riff da excelente “Ride in the Sky” é virtualmente igual ao de “Immigrant Song”, do Zeppelin – que, diga-se de passagem, virou uma piada impagável em Schrek Terceiro. Lawton jura de pés juntos que compôs a sua antes, e os dois discos saíram no mesmo ano. É verdade? Sei lá. O resto da música é bem diferente. Ah, mais uma curiosidade: Na versão do LF, o riff propriamente dito não é tocado na guitarra, mas no french horn.

Bem, voltando disco, ele é pesado, com um bom toque de experimentalismo e uma excelente presença do órgão Hammond de Peter Hetch e da guitarra do também Peter Hesslein. As últimas cinco músicas são faixas extras da versão em CD, lançada em 1995. Numa delas, a instrumental “Satyr’s Dance”, o lado progressivo, que se soltaria mais no disco seguinte, já dá as caras.

Desfrutem e, pombas, comentem.

Ah, os arquivos estão em 192 kbps.

1. Ride in the Sky
2. Everybody's Clown
3. Keep Goin'
4. Toxic Shadows
5. Free Baby
6. Baby You're a Liar
7. In the Time of Job When Mammon Was a Yippie
8. Lucifer's Friend
9. Rock 'N' Roll Singer
10. Satyr's Dance
11. Horla
12. Our World Is A Rock 'N' Roll Band
13. Alpenrosen

Download

10 comentários:

EL CIPRI disse...

Este é un discazooo!!!

Cualidade ótima coma sempre, Dagda!

Parabens!

Alex disse...

Não pude deizar de rejeitar o pedido de postagem do bloqueiro desesperado. Até me sinto culpado por n ter comentado nd por aqui,apesar de ter meus motivos(net discada é dose), mas quero dizer que sou frequentador de carteirinha do blog.
acho q baixei esse som daqui mesmo, e como comentado acima, n tiro uma palavra.
Parabens pelo trabalho, e continue postando, n deixa a zorra parar, que alias esta lento, mas mantem a qualidade!!
Parabens!

Marcelo disse...

sonzeira dagda....valeu + 1 vez

Anônimo disse...

Beleza!

Eu tenho esse disco - discaço, aliás - em vinil alemão, e estou baixando pra conferir as músicas da versão extra.

Valeu.

Paulo

maurizaorocha disse...

esse Lucifer é tao bom qnto os melhores albums de hard, MAS EU GOSTARIA MESMO DE FALAR COM ALGUEM DO BLOGGER, QUEM SE ABILITA? abraçaum.

In The Darkness disse...

Simplesmente Fantástico!!!!
Agrada tanto a fãs de Sabbath qto de Led zepellin!
Agradeço pelo post!
Long live to Rock n`Roll!!!

Carol disse...

Procurei esse disco por um tempao...Pula de blog em blog e quando achava, o link estava expirado...

Parabéns pelo Blog, é incrível!

Anônimo disse...

Dagda! muito obrigado por te diponibilizado esse material de 1ª qualidade.
Valeu, até mais e outras postagens.

luis

Flávio disse...

Simplesmente FODA!!!

Vagner Purple disse...

Toda pessoa que goste de rock de verdade deve ter esse primeiro trabalho do Lucifer's Friend. É sensacional. Eu tenho também o when the groups killed the blues e o Banquet. Gosto de todos, mas o primeiro é o mais hard.