quarta-feira, dezembro 17, 2008

Black Sabbath – Past Lives (2002)



Galera, mesmo correndo o risco de isso aqui parecer blog temático de Black Sabbath, não tem como deixar de fora esta pérola. Past Lives, lançado em 2002, é um CD duplo ao vivo com gravações feitas entre 1970 e 1975, ou seja, com a formação clássica: Ozzy Osbourne (vocal), Tony Iommi (guitarra), Geezer Butler (baixo) e Bill Ward (bateria).

Quem é velho como eu lembra de Live At Last, um semi-bootleg do Sabbath lançado em 1980. Eu disse “semi” porque, embora lançado sem o consentimento ou conhecimento da banda, não era uma gravação ilegal. Em 1974, a banda deu um pé na bunda de seu antigo empresário, Patrick Meehan, para contratar Don Arden (pai de Sharon, futura senhora Osbourne). A mudança rendeu uma longa batalha na Justiça e, entre os espólios, o demitido ficou com a posse de algumas fitas gravadas ao vivo em 1973. Disposto a capitalizar, lançou-as em disco.

O lançamento causou furor. Primeiro porque o Black Sabbath não tinha qualquer registro oficial ao vivo; segundo porque era muito bom. Pegou a banda quicando nos cascos com o repertório dos quatro primeiros discos. E, para completar, trazia uma versão enorme e matadora de “Wicked World”, faixa do disco de estréia limada da versão norte-americana (e brasileira), com direito a solo de Tony Iommi e jam da banda.

Além da prensagem em vinil de 1980, o disco saiu em CD pela Castle em 1986 e em 1996, dentro da magnífica coleção remasterizada da discografia do Sabbath. Eis que, num dado momento o grupo cansou de ver Meehan ganhar dinheiro às suas custas e correu atrás do prejuízo. Live At Las foi “adotado” e transformado no Disco 1 de Past Lives. Por si só já seria imperdível, mas o Disco 2 também arrebenta.

As faixas 2, 3 e 4 foram gravadas para o que seria um disco ao vivo do programa de rádio King Biscuit Flower Hour. O projeto gorou, mas virou um bootleg sensacional já disponível aqui na Caverna. Já as demais faixas foram gravadas em 1970, num lendário show em Paris.

Ante a improvável hipótese de o visitante não conhecer Black Sabbath, um conselho: baixe e ouça reverentemente. Praticamente tudo que se fez depois em termos de heavy metal de qualidade vem daí.

Disco 1

1. Tomorrow's Dream
2. Sweet Leaf
3. Killing Yourself to Live
4. Cornucopia
5. Snowblind
6. Children of the Grave
7. War Pigs
8. Wicked World
9. Paranoid

Download

Disco 2

1. Hand of Doom
2. Hole in the Sky
3. Symptom of the Universe
4. Megalomania
5. Iron Man
6. Black Sabbath
7. N.I.B.
8. Behind the Wall of Sleep
9. Fairies Wear Boots

Download

E aqui, o vídeo de N.I.B. no show em Paris:

2 comentários:

Embriao disse...

Sempre achei que o past lives era mais uma coletânea caça níquel!! Realmente, a safra da castle dos 90 é de mto boa qualidade, quem garantiu se deu bem e quem perdeu, lamento!!! Parabéns pelo trabalho realizado no blog, opiniões bem lúcidas e elucidativas. Pena que não comentem o suficiente, mas esteja certo do seu valoroso esforço na manutenção do blog!!

Marcelo disse...

Rapaz, muito bom, parabéns! Ótimo texto de uma história que eu, confesso, não conhecia. Continue assim!